Caiu do Naviu

A sina do suposto sino da nau que descobriu a América

Em 1994, após observar atentamente um homem que caminhava com um detector de metais, coletando antigas moedas em uma praia da Figueira da Foz, na costa norte de Portugal, o mergulhador italiano Roberto Mazzara encontrou a origem delas: vinham dos restos de um antigo...

ler mais

O naufrágio dos 5 000 automóveis zero quilômetro

O naufrágio dos 5 000 automóveis zero quilômetro

Durante um bom tempo, ao longo da primavera de 1988, a principal distração dos frequentadores da Praia da Madalena, no litoral norte de Portugal, foi sentar-se na areia e ficar admirando o enorme casco do cargueiro japonês (mas com bandeira panamenha e tripulação...

ler mais
Uma barbárie debaixo d´água

Uma barbárie debaixo d´água

O dinamarquês Peter Madsen sempre foi um homem estranho, engenhoso e irrequieto. No início dos anos 2000, decidiu que construiria um foguete doméstico e quase concluiu a obra. Só não o fez porque, no meio do caminho, mudou radicalmente de objetivo e passou a construir...

ler mais
O navio que uma onda engoliu

O navio que uma onda engoliu

Como pode um navio maior do que um campo de futebol desaparecer sem deixar nenhum vestígio, nem mesmo um simples pedacinho de madeira boiando no mar? A resposta está no que o destino havia reservado para o Waratah, um navio misto de carga e passageiros, que fazia a...

ler mais
Os bois que foram considerados culpados de um naufrágio

Os bois que foram considerados culpados de um naufrágio

Em 6 de outubro de 2015, logo após completar o embarque de 4 920 cabeças de gado que seguiriam para a Venezuela, o navio libanês Haidar, um ex-porta-contêiners adaptado para transportar bois, começou a adernar quando ainda estava amarrado ao porto de Barcarena, no Rio...

ler mais
A tragédia do veleiro que desapareceu com quatro argentinos

A tragédia do veleiro que desapareceu com quatro argentinos

Em agosto de 2014, uma notícia sensibilizou brasileiros e argentinos: o veleiro de bandeira argentina Tunante II (algo como “Vigarista”, em português), se encontrava à deriva, a cerca de 300 quilômetros da costa do Rio Grande do Sul, depois de capotar, perder o leme,...

ler mais